Oficina de horticultura e jardinagem da Casa de Acolhida traz perspectiva de futuro para acolhidos e consciência para voluntários

whatsapp-white sharing buttontelegram-white sharing buttonfacebook-white sharing buttontwitter-white sharing button

A ação realizada na última sexta-feira (27/10) na Casa de Acolhida de Paracatu foi uma parceria da entidade com Professores e Alunos da Faculdade Finom, Unitec e Cáritas Diocesana.

Nas oficinas, os voluntários passaram orientações sobre jardinagem, aproveitamento de hortaliças, aspectos fisiológicos das plantas e na prática, ações de plantio, manejo e de colheita.

“-Essa é uma proposta que a gente leva aos usuários da Casa de Acolhida, principalmente aqueles que mais precisam, que buscam uma oportunidade, até para uma mudança de vida através da ressocialização, ao mesmo tempo que trazemos os voluntários, as pessoas comprometidas com ações de caridade e amor ao próximo para junto de nós, para dentro do ambiente da casa.” Explica Jesué Mesquita, Coordenador da Casa de Acolhida.

Além do incentivo ao voluntariado e da oportunidade aos acolhidos na Casa, destaca-se também que a produção das hortas, além de abastecer a cozinha da entidade e de Escolas parceiras, também é doado para famílias carentes através do Banco de Alimentos

Sobre a Casa de Acolhida

A Casa de Acolhida é uma instituição que funciona 24 horas por dia, recebendo, acolhendo, atendendo, dando suporte para pessoas em situação de rua e peregrinos que passam por Paracatu, além disso também fornece encaminhamentos médico e psicológico, tratamento contra dependência química e ajuda para o retorno ao convívio familiar.

A entidade fica localizada na Rua Luiz Gouveia Damasceno, 129, ao lado da ASSAMPA, no Bairro Paracatuzinho.

Veja mais imagens sobre este dia de ação social e cidadania no nosso instagram: @paracatunetnoticias