14 jul 15h52

Policiais protestam contra reforma da previdência, em Paracatu

Servidores da Segurança Pública, como Policiais Civis, agentes Penitenciários e de setores administrativos de Paracatu protestam contra a Reforma da Previdência em Minas.
Aconteceu hoje (14), uma mobilização em frente à Delegacia Regional no bairro Bela Vista. Com faixas e cartazes os servidores gritavam palavras de ordem contra a reforma.

A reforma da Previdência mineira foi enviada ao Legislativo junto da reforma Administrativa. O parecer aprovado na última sexta-feira “isola” os assuntos previdenciários, que seguem a tramitação, enquanto as questões administrativas serão tratadas posteriormente.

O texto prevê a adoção de alíquotas progressivas, que variam entre 13% e 18,38%. Há mudanças, também, na idade mínima para a aposentadoria e no tempo de contribuição necessário para pedir o benefício. Homens precisarão trabalhar por mais cinco anos e, mulheres por mais sete.
As regras atuais preveem o desconto de 11% nos salários de todo o funcionalismo público. O texto sugere alíquotas distintas conforme a faixa de vencimentos. A ideia é que servidores que recebem até R$ 2 mil, por exemplo, contribuam, efetivamente, com 13%. O percentual é 0,67% maior no caso dos que ganham até R$ 6 mil. O índice cresce gradualmente, até os 18,38% - voltado aos que recebem acima de R$ 16 mil.

© 2015 - PARACATU.NET - Todos Direitos Reservados. by #mndti