4 jun 17h35

Surto de casos na LongPing faz Noroeste retornar à onda verde do Minas Conscient

A região Noroeste de Minas vai retornar à onda verde do plano Minas Consciente, criado pelo Governo de Minas para promover a retomada econômica gradual e coordenada nas cidades mineiras durante a pandemia do coronavírus. A recomendação é a de que as 33 cidades da localidade abram somente serviços considerados essenciais, como supermercados, padarias e farmácias.

A decisão foi tomada em reunião do Comitê Extraordinário Covid-19, na quarta-feira (3/6), em função do aumento do número de casos e da baixa capacidade assistencial da rede hospitalar. As outras 13 macrorregiões de Saúde mineiras serão mantidas nas ondas determinadas durante os últimos encontros do grupo técnico, mas serão acompanhadas diariamente para avaliação das taxas de contaminação e internação.

O governador pediu cautela à população e reforçou a importância de manter os cuidados de higienização e proteção individual.

“-O número de casos tem aumentado e Minas Gerais não pode ceder. Nós, até o momento, temos lutado com muita eficiência. Eu peço aos mineiros que façam o que for possível para continuar assim, porque a batalha será longa. Nós só vamos vencer essa guerra daqui alguns meses. Peço que aqueles que podem ficar em casa, fiquem. E os que não podem, que tomem as medidas de distanciamento e higienização necessárias. Minas tem sido destaque no Brasil até o momento, mas não podemos baixar a guarda. Temos que continuar essa luta contra o vírus, porque ele é invisível e imprevisível. Esse aumento de casos nos últimos dias sinaliza que temos que ter cuidado redobrado. Conto com a ajuda de todos”, disse.

Surto de Casos em trabalhadores da Gigante Chinesa LongPing High Tech impulsionaram os gráficos e pode ter levado à tomada de decisão

A posição da região Noroeste de Minas estava "dentro da normalidade" como dizem os especialistas até a última sexta-feira quando foi anunciado  um "surto concentrado" em Unaí e Paracatu. Foram confirmados 166 casos de covid19 em um alojamento de trabalhadores da empresa chinesa LongPing High Tech em Unaí e na sequencia na cidade de Paracatu que aumentou os casos em 168%. Esse números são maiores do que a soma que todas as cidades da região Noroeste acumulavam até o momento.



Nossa reportagem fez contato com a Assessoria de Imprensa da LongPing High Tech e fomos informados de que eles estão "levantando os dados e emitirão uma nova nota à imprensa." Assim que recebermos atualizaremos a matéria.

Na Onda verde funcionam apenas o chamados "serviços essenciais"


  1. Agropecuária

  2. Alimentos

  3. Bancos e seguros

  4. Cadeia produtiva e atividades acessórias essenciais

  5. Construção civil e afins

  6. Fábrica, energia, extração, produção, siderúrgica e afins

  7. Saúde

  8. Telecomunicação, comunicação e imprensa

  9. Transporte, veículos e Correios

  10. Tratamento de água, esgoto e resíduos






Fonte: Agência Minas
  
fullscreen

© 2015 - PARACATU.NET - Todos Direitos Reservados. by #mndti