1 jul 2010 10h31

PROERD lança Concurso de Redação

A Secretaria de Estado de Esportes e da Juventude (SEEJ), por meio da
Subsecretaria de Políticas Antidrogas e em parceria com a Secretaria de Estado da Educação (SEE)e a Polícia Militar de Minas Gerais (PMMG), lançou a XIII Edição do Concurso de Redação, Frases e Desenhos intitulado "Viva Feliz sem Drogas”, cujo tema para o presente ano é “Esporte 10 X Drogas 0: Neste jogo quem ganha é você!”. O concurso destina-se a alunos das escolas de ensinodo fundamental (1º ao 9º ano), do ensino médio (1ª à 3ª série), do EJA - Ensino Fundamental ou do EJA - Ensino Médio e do ensino especial da rede pública e particular de Minas Gerais.

2 O concurso, tem por objetivo formar uma consciência crítica nos alunos do Ensino
Fundamental, Médio e Especial das Redes Públicas e Particulares, quanto às suas
responsabilidades e escolhas diante dos desafios da vida e incentivar ações pedagógicas, por meio de trabalhos, fomentando o diálogo entre a escola, os professores, atores de segurança, e os alunos visando à implementação de uma política de prevenção ao uso e abuso de drogas.

3 Conforme previsto no regulamento do concurso, constante do Anexo Único, são
concedidas premiações para cada categoria: redação Proerd, frase, desenho, desenho com frase, desenho – ensino especial, e grafismo.

4 Destaca-se no tocante à modalidade de “Redação Proerd”, a existência de
premiação para os alunos classificados que tenham cursado ou esteja cursando o Proerd, bem como para sua respectiva escola, para o (a) professor (a) da série/ano e para o instrutor Proerd que o assistiu.

5 Assim, considerando a importância da participação da PMMG no aludido concurso,
recomendo a esse Comandante gestão no sentido de que seja divulgado amplamente aos
Instrutores Proerd subordinados a essa UDI, com possível replicação da informação às escolas assistidas pelo Proerd, visando à participação efetiva dos educandários.
6 Esclarecimentos pela organização do Concurso serão fornecidos pela Subsecretaria
de Políticas Antidrogas, por intermédio do telefone (31) 3349 2500. Maiores esclarecimentos para o público interno da PMMG, poderão ser fornecidos pela Adjuntoria de Prevenção ao Uso e Tráfico de Drogas da DAOp, por intermédio do email [email protected], ou pelo telefone (31) 3071 2432.

MÁRCIO MARTINS SANT’ANA, Cel PM
Chefe do Estado-Maior

ABAIXO O REGULAMENTO DO CONCURSO

XIII Concurso de Redação, Frases e Desenhos: “Viva feliz sem drogas”
Tema: Esporte 10 X Drogas 0 – Neste Jogo Quem Ganha é Você

A Secretaria de Estado de Esportes e da Juventude, por intermédio da Subsecretaria de Políticas Antidrogas em parceria com a Secretaria de Estado de Educação e a Secretaria de Estado de Defesa Social tornam público o lançamento da XIII Edição do Concurso de Redação, Frases e Desenhos, com o tema: “Viva feliz sem drogas – Tema: Esporte 10 X Drogas 0 – Neste Jogo Quem Ganha é Você”.

Ao longo dos doze anos de realização do Concurso já tivemos a participação de
aproximadamente 733.100 estudantes do ensino público e particular de Minas Gerais, nas categorias de redação, desenho, frase, desenho com frase e grafitismo. Toda a produção é realizada sob a orientação do professor. Este tem sido nosso principal colaborador e fomentador na sensibilização dos alunos a capturarem, por meio de palavras ou traços gráficos, a leitura do que venha a ser uma Vida Feliz Sem Drogas.

Sabemos que a prática de esportes exerce influência positiva, especialmente nos jovens, prevenindo o uso abusivo de drogas e a violência. Estimula uma vida saudável, bem como o desenvolvimento de competências pessoais como a autoestima, o autoconhecimento, o autocuidado; competências sociais como o espírito de equipe, a cooperação, a solidariedade, a tolerância e cognitivas como a resolução de problemas, o desenvolvimento do raciocínio lógico e a criatividade.

Nossa certeza é que não há um antídoto capaz de nos imunizar ou nos deixar em estado de plenitude a todo tempo. É preciso aprender a lidar com as frustrações, limitações e adversidades que fazem parte da vida. Acreditamos que o caminho contra as adversidades é o próprio desejo de viver, de alterar o cotidiano, de fazer renascer o prazer pela vida, apostando nos sonhos e conquistas, amando e sendo amado, e buscando tantas outras coisas que nos despertam para a vida.

I - DO OBJETIVO

Formar uma consciência crítica nos alunos do Ensino Fundamental, Médio e Especial das Redes Públicas e Particulares, quanto às suas responsabilidades e escolhas diante dos desafios da vida e incentivar ações pedagógicas, por meio de trabalhos, fomentando o diálogo entre a escola, os professores, atores de segurança, e os alunos visando a implementação de uma política de prevenção ao uso e abuso de drogas.

II - DA PARTICIPAÇÃO POR MODALIDADE

Podem participar do concurso:
Alunos das Escolas Públicas e Particulares do Ensino Fundamental e Médio e do Ensino Especial do Estado de Minas Gerais, sob a orientação de um professor, concorrendo a 01 (uma) das 06 (seis) categorias dos trabalhos abaixo:

1. Desenho: alunos do ciclo inicial de alfabetização, qual sejam, da pré-escola à 3ª série e/ou do 1º (primeiro) ao 4º (quarto) ano do ensino fundamental.

1.1. Elaborado em papel ofício branco, material e técnica a critério do aluno, observando que, no desenho, não poderá conter nenhuma frase. Caso essa exigência seja descumprida, o trabalho será desclassificado automaticamente.

2. Frase: alunos da 4ª (quarta) à 6a (sexta) séries e/ou do 5º (quinto) ao 7º (sétimo) ano do ensino fundamental).

2.1. A frase deverá ser elaborada em papel ofício branco.

3. Desenho com Frase: alunos da 7ª (sétima) e 8ª (oitava) séries e/ou do 8º (oitavo) e 9º (nono) ano do ensino fundamental e do ensino médio.

3.1 Elaborado em ½ cartolina branca, tamanho 30x40cm. Material e técnica a critério
do aluno.

4. Grafitismo: alunos de todos os anos, séries e/ou ciclos.

4.1. Elaborado em ½ cartolina branca, tamanho 30x40cm. Material e técnica a critério do aluno.

5. Desenho: Educação Especial (alunos matriculados em escolas de educação especial, sem restrições de série e idade).

5.1. O desenho deverá ser elaborado em papel ofício branco. Material e técnica a
critério do aluno, observando que o desenho não poderá conter frases. Os trabalhos dos alunos não poderão ser retocados por professores e ou terceiros mantendo sua originalidade sob pena de desclassificação.

6. Redação: Alunos matriculados em Instituição de Ensino, que participam e/ou participaram do Programa Educacional de Resistência às Drogas (PROERD), desenvolvido pela Polícia Militar de Minas Gerais.

6.1. Somente poderão se inscrever nesta modalidade os alunos do PROERD que participaram do programa no 2º semestre de 2009 ou no 1º semestre de 2010, e que tenham concluido o Currículo Educacional PROERD para Crianças destinado a alunos da 4ª série / 5º ano do ensino fundamental.

6.2. Elaborado exclusivamente pelo aluno em papel almaço, utilizando um número mínimo de 15 (quinze) e o máximo de 30 (trinta) linhas para o corpo do texto, acrescido de mais uma linha para o título.

6.3. Escrito do próprio punho, com caneta esferográfica azul ou preta, não podendo utilizar lápis, lápis de cor, caneta hidrocor ou conter desenhos, imagens, recortes de revista/jornal/livro.

6.4. A redação que estiver fora do modelo especificado será desclassificada automaticamente.

6.5. O tema da redação será: “O que você aprendeu no PROERD e que lhe ajudará a ficar longe das drogas e a evitar a violência”.

III – DAS INSCRIÇÕES:

A – Cada escola poderá inscrever somente 01 (um) trabalho por categoria de acordo com o tema estabelecido, feito pelo aluno em uma única via do Formulário Padrão.

B – Todos os itens solicitados no cabeçalho do Formulário Padrão deverão ser preenchidos.

C – Para validar a inscrição do trabalho será necessário a assinatura dos pais ou responsável na Ficha de Inscrição.

D – A direção da escola encaminhará a Subsecretaria de Políticas Antidrogas, 01 (um) único trabalho por categoria, até o dia 31 de Outubro de 2010. Será considerada válida a data de postagem do correio.

O não preenchimento de todos os dados do Formulário Padrão (Cabeçalho e
Declaração) implicará na desclassificação do trabalho.

E – O trabalho selecionado deverá ser encaminhado a Subsecretaria de Políticas Antidrogas, contendo no envelope a seguinte identificação: Subsecretaria de Políticas Antidrogas / Superintendência de Prevenção, Tratamento e Reinserção Social - CONCURSO DE REDAÇÃO, FRASES E DESENHOS - VIVA FELIZ SEM DROGAS (Esportes 10 X Drogas 0: Neste jogo quem ganha é você!) Av. Álvares Cabral n° 200/ 13° Andar – Bairro Centro – CEP 30.170-000 - Belo Horizonte – MG

F – No verso do envelope deverá ser informado o endereço completo da escola remetente.

IV – DAS ETAPAS DE CLASSIFICAÇÃO

O concurso se constituirá de DUAS ETAPAS:
1ª) ETAPA ESCOLAR
1 – Ficará a cargo da direção da escola designar uma Comissão Julgadora para selecionar, dentre
os trabalhos elaborados pelos alunos, 01 (um) único trabalho por categoria, para participar do concurso junto a Subsecretaria de Políticas Antidrogas.
2 – Sendo enviado mais de um trabalho por categoria, da mesma escola, todos serão
desclassificados.
3 – Será de responsabilidade da escola, encaminhar os trabalhos selecionados à Subsecretaria de Políticas Antidrogas, juntamente com uma Ata de validação do processo de seleção, assinada pela Comissão Julgadora e Direção da Escola conforme modelo em anexo. A data para envio dos trabalhos vencedores será até o dia 31 de outubro de 2010.

2ª) ETAPA FINAL
1- Serão constituídas 06 (seis) Comissões, uma para cada categoria, formadas por personalidades ligadas à arte, educação, saúde, segurança pública e envolvidas com trabalhos permanentes de prevenção e tratamento do uso de drogas, convidados pela Secretaria de Estado de Esportes e da Juventude, Secretaria de Estado da Educação e Polícia Militar do Estado de Minas Gerais.
2- A Comissão Julgadora dos trabalhos será soberana para decidir qualquer fato pertinente à matéria. As decisões tomadas não serão passíveis de recursos.
3- Em cada categoria os alunos serão classificados em 1º, 2º e 3º lugares.
4- A etapa final encerra no dia 31 de novembro de 2010.

V - OBJETOS DA AVALIAÇÃO
Para o julgamento dos trabalhos serão considerados:
· Coerência ao tema proposto;
· Desenvolvimento da idéia na perspectiva positiva;
· Criatividade;
· Arte;
· Originalidade;
· Correção lingüística e ortográfica;
· Tipo de papel exigido.

VI – DAS PREMIAÇÕES

A – Os trabalhos classificados em cada categoria receberão respectivamente:

1º Lugar
Aluno: 01(um) notebook
Escola: 01 (um) Data show
Professor: 01 (uma) filmadora

2º Lugar
Aluno: 01 (um) Playstation 2
Escola: 01 (uma) câmera digital
Professor: 01 (uma) câmera digital

3º Lugar
Aluno: 01 (um) MP5
Escola: 01 (um) micro system
Professor: 01 (um) micro system

A.1 – No tocante a premiação do concurso na modalidade de “redação”, o policial militar Instrutor PROERD do aluno classificado (1º, 2º e 3º lugares), fará jus à mesma premiação destinada ao professor.

B- Os alunos, as escolas, os professores e Instrutores PROERD classificados, serão informados
através da Subsecretaria de Políticas Antidrogas.

VII – DA CERIMONIA
A – A cerimônia para premiação será realizada em Belo Horizonte, no mês de dezembro de 2010, em local e data a serem definidos pela Subsecretaria de Políticas Antidrogas.

VIII – DAS DISPOSIÇÕES GERAIS
A– O envio dos trabalhos feitos no Formulário Padrão e com todos os dados preenchidos, encaminhados pela direção da escola, por si só, constituem a inscrição para a participação no concurso, sendo também instrumento de plena aceitação, por parte do concorrente, das normas estabelecidas para o mesmo.

B– A elaboração do trabalho deverá ser realizada em sala de aula sob a supervisão do professor e/ou orientador.

C- Todos os trabalhos não selecionados pela comissão julgadora deverão ser enviados à Subsecretaria de Políticas Antidrogas no prazo máximo de 20 dias após a data limite de envio dos ganhadores para o mesmo endereço já citado no item IV, parágrado E.

D- Todos os trabalhos que participarem deste concurso passarão a ser de propriedade exclusiva do Estado de Minas Gerais, representado pela Subsecretaria de Políticas Antidrogas de Minas Gerais – SUBPAD–MG e pelo CONEAD–MG, que poderão utilizá-los para fins educativos e didáticos.

E- A Subsecretaria de Políticas Antidrogas, organizadora do Concurso, não se responsabiliza pela devolução ou extravio dos trabalhos.

F- A Subsecretaria de Políticas Antidrogas / SEEJ fica autorizada, sem ônus, a utilizar os mesmos para fins de propaganda, publicações, materiais e eventos governamentais.

G- Os casos não previstos neste Regulamento serão resolvidos pela Comissão Julgadora.

H– A direção da escola deverá preencher na ata os dados acerca do número de alunos que participaram do Concurso juntamente com os trabalhos indicados para participar da etapa final.

Recentes

Mais Vistos

© 2015 - PARACATU.NET - Todos Direitos Reservados. by #mndti