18 mai 15h57

Advogado e Médico de Paracatu peticionam pedido de reabertura de Igrejas no MP

Um advogado e um médico de Paracatu, assinaram um documento com argumentos jurídicos e científicos que foi protocolado na prefeitura de Paracatu e no Ministério Público, pedindo a reabertura das Igrejas em Paracatu.
A petição - que foi acompanhada de um abaixo assinado que até o momento conta com 336 assinaturas -  teve a justificativa de que se trata de um “direito constitucional assegurado”
“-Caso o pedido seja negado, cabe até mesmo recorrer ao poder judiciário, porque houve liberação de atividades que trazem muito perigo no que diz respeito ao risco de disseminação de vírus. Pode estar havendo um certo menosprezo ou discriminação com a religião,” afirma Dr. Hander.
No documento, assinado em conjunto com o médico Dr. Alex Tosta, os solicitantes argumentam que “o risco das atividades liberadas até o momento é maior do que o Culto Religioso nas Igrejas, que por sua vez já vinham tomando cuidado com seus frequentadores, mesmo antes do decreto municipal, orientados por um Decreto do Bispo Diocesano.”
A petição afirma ainda que “legalmente o culto religioso é defendido pela constituição e, considerando a autorização para feiras, academias, salões e outros, a permissão de abertura das Igrejas é cabível, com os devidos cuidados para prevenção e evitando a disseminação do corona vírus.”
“-O objetivo é apresentar ao poder público a importância da prática religiosa em comunidade. Nós levamos estudos que indicam a eficácia da vivência religiosa em tratamentos de saúde,” finalizar o Advogado Dr. Hander Júnior.
fullscreen

© 2015 - PARACATU.NET - Todos Direitos Reservados. by #mndti