12 fev 20h28

Ragos Oliveira quer incluir Paracatu na Região Integrada do Distrito Federal

O Vereador Ragos Oliveira (PRTB) relatou os resultados de uma audiência que teve com o Senador Rodrigo Pacheco (MDB), quando foi em busca de apoio para a inclusão do Município de Paracatu na região geoconômica de Brasília, a chamada RIDE (Região Integrada de Desenvolvimento do Distrito Federal e Entorno).
“-O objetivo da RIDE é articular as ações administrativas da União, dos Estados e dos municípios para a promoção de projetos que visem à dinamização econômica e provisão de infraestruturas necessárias ao desenvolvimento em escala regional,” explicou Ragos.
A RIDE foi criada com a Lei Complementar nº 94, de 19 de fevereiro de 1998, e é composta pelo Distrito Federal, por 19 municípios do estado de Goiás e 2 do estado de Minas Gerais. Com a publicação da lei complementar nº 163, de 14 de junho de 2018, foram incorporados mais 12 municípios. Hoje são quatro mineiros, Arinos, Cabeceira Grande, Unaí e Buritis.
Oliveira ainda explicou que melhorias poderão ser vistas em várias áreas, incluindo na saúde e na segurança. “-Apesar de morarmos no entorno, nosso município não está efetivamente dentro dos limites do Distrito Federal e isso é ruim, pois ficamos apenas com o ônus, e não temos direito ao bônus. Existem recursos destinados ao Distrito Federal e entorno que podem beneficiar e muito os empresários e produtores da região, mas infelizmente são destinados apenas aqueles que fazem parte da RIDE (Região Integrada de Desenvolvimento do Distrito Federal e Entorno),” afirmou.
Segundo o IBGE, a região abriga aproximadamente 4,5 milhões de habitantes. Sozinho, o DF tem pouco mais de 3 milhões. Os números colocam a Ride do DF como a quarta região mais populosa do país. O pódio é ocupado pelas regiões metropolitanas de São Paulo (21,4 milhões de habitantes), do Rio de Janeiro (12,4 milhões) e de Belo Horizonte (5,9 milhões).
A RIDE é constituída pelo Distrito Federal, e pelos municípios de Abadiânia, Água Fria de Goiás, Águas Lindas de Goiás, Alexânia, Alto Paraíso de Goiás, Alvorada do Norte, Barro Alto, Cabeceiras, Cavalcante, Cidade Ocidental, Cocalzinho de Goiás, Corumbá de Goiás, Cristalina, Flores de Goiás, Formosa, Goianésia, Luziânia, Mimoso de Goiás, Niquelândia, Novo Gama, Padre Bernardo, Pirenópolis, Planaltina, Santo Antônio do Descoberto, São João d’Aliança, Simolândia, Valparaíso de Goiás, Vila Boa e Vila Propício, no Estado de Goiás, e de Arinos, Buritis, Cabeceira Grande e Unaí, no Estado de Minas Gerais. Ocupa uma área de 94.570,39 quilômetros quadrados.
fullscreen

© 2015 - PARACATU.NET - Todos Direitos Reservados. by #mndti