13 mai 2011 16h15

PM realiza encontro para falar sobre Projeto de Segurança Familiar

No dia cinco de maio às 14h foi realizada no 45º BPM um encontro com diversos representantes da sociedade de Paracatu para tratar do Projeto de Segurança Familiar. A reunião iniciou-se com a fala do SubCmt do 45º Batalhão de Polícia Militar, Maj Wander Cândido Goulart em que foram expostos diversos problemas enfrentados pela Polícia Militar, dentre os quais o aumento do ìndice de homicídio, foi falado sobre a criação da Patrulha de Segurança Familiar, a qual tem como principal meta a prevenção de delitos. Foi dito ainda que a participação da sociedade em todo seguimento é de fundamental importância para diminuição das ocorrências de homicídios na cidade. O Sd Dione de Souza Marques componente da Patrulha de Segurança Familiar falou sobre a importância da implementação da Segurança Familiar e julgou essencial a diminuição do medo e da sensação de insegurança da população e que é possível, sim mudar a realidade vivida na cidade de Paracatu. E disse ainda que as estatísticas apontam para o aumento da criminalidade em Paracatu, em especial o homicídio. O CB João Roque Guimarães parceiro também do projeto fez a leitura da introdução do estudo realizado a respeito da Segurança Familiar e falou da desestruturação familiar ocorrida na maioria dos lares de pessoas desprovidas economicamente, falou da grande demanda da Polícia Militar nas ocorrências de repressão, o que muitas vezes acaba por alienar o foco da prevençao. Falou da preocupaão sobre as demandas que poderão surgir no desenrolar das visitas, sendo fundamental o apoio de outros órgãos para dar seguimento ao trabalho da patrulha de segurança.

Foi assistido um video frisando a responsabilidade de todos perante as mazelas vivencidas dia a dia por pessoas que nascem e crescem sem a mínima condição de sobrevivência. Soldado Marques falou sobre situações vividas pela patrulha durante as visitas de implementação, frisou sobre as providências a serem tomadas perante as diversas ocorrências envolvendo as famílias. Major Wander determinou que seja feito o encaminhamento da sitaução ao orgão competente. A senhora Marina Cunha, do Conselho da Mulher, disse que é importante o acionamento das autoridades: Prefeito, Vereadores para efetivamente haver solução. O Major Wander falou que o envolvimento de todos os órgaos é imprescindível para impedir qu uma ameaça venha evoluir para um crime de homicídio.

O Sd Marques disse que o Trabalho da Patrulha é prevenção. O objetivo foi lançado e que os militres estão comprometidos com o trabalho e reafirmou a importância da parceira ente os órgãos, objetivando a prevençaõ de crimes. Falou que o trabalho da Patrulha abrangerá potenciais vítimas crimes, acompanhando de perto situações que levam a crer que podem evoluir para um homicídio. A senhora Silze, agradeceu a iniciativa da Polícia Militar e dissei que seria importante a presença das autoridades políticas do município, sendo esclarecido pelo Maj que a polícia vai trabahar na questão de segurana pública combatendo a situação/crime e encaminhará as vítimas aos órgãos que pderã ampará-las. Disse que é impossível que a Polícia Militar abrace todos os problemas sociais destas vítimas, por isso a importância da parceira de todos. O representante do conselho de drogas, disse que só a integração entre os órgaão trará resusltados no combate a crimainalidade como um todo.

Chegou-se ao consenso de que um órgão sozinho não pode solucionar os problemas, mas se houver união e sintonia é provavel que os índices caiam substancialmente. A Demanda da patrulha será gerada através de ocorreñcias de ameaças e homicídios tentados ocorridos no decorrer dos dias.

Recentes

Mais Vistos

© 2015 - PARACATU.NET - Todos Direitos Reservados. by #mndti