31 mar 2011 11h27

Entidades ambientalistas tomam posse no CONAMA

As onze entidades ambientalistas eleitas para fazer parte do Conselho Nacional do Meio Ambiente (Conama) tomaram posse nesta terça-feira (29/3), em cerimônia no Ministério do Meio Ambiente. Eleitas pelo voto de 270 organizações da sociedade civil de todo o País, as dez representantes regionais e uma nacional passam a ocupar assento no Conselho para o mandato 2011/2013.

Durante a cerimônia de posse, a ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, afirmou que "é o momento de manter o arranjo de interlocução com a sociedade civil, tanto nos temas relacionados ao Conama quanto nas demais agendas do cenário ambiental brasileiro".

Os representantes eleitos pelo Centro-Oeste foram a Fundação Pró Natureza (Funatura) e a Ecodata. Pela região Sul elegeram-se Inga (Instituto Gaúcho de Estudos Ambientais) e AAr (Associação de Defesa do Meio Ambiente de Araucária). O Nordeste será representado pela Furpa (Fundação Rio Parnaíba e Bioeste), Instituto de Biodiversidade e Desenvolvimento Sustentável no Oeste da Bahia. SOS Amazônia e Kanidê (Associação de Defesa Etnoambiental) ganharam pela Região Norte e pela Sudeste foram eleitos o Proam (Instituto Brasileiro de Proteção Ambiental) e Organização Ponto Terra. A representação nacional será da ONG Movimento Verde de Paracatu (Mover). Cada entidade será representada por um titular e dois suplentes.

Votação - O processo eleitoral começou em novembro do ano passado com o registro das candidaturas das entidades interessadas em concorrer às onze vagas disponíveis. Candidataram-se 31 organizações não governamentais e a eleição teve a participação de mais de 50% das entidades inscritas há pelo menos um ano no Cadastro Nacional de Entidades Ambientalistas, o CNEA, do MMA.

De janeiro a fevereiro ocorreu a votação, tanto por cédulas encaminhadas via postal quanto eletronicamente via internet. Do total de 270 eleitores, 41 registram o voto pelo correio e 230 pelo sistema eletrônico. O total de votos brancos e nulos ficou em torno de 10%.

A apuração dos votos foi realizada por meio de reunião pública na sede do Conama, em Brasília, transmitida em tempo real pela internet e contou com a presença de representantes do MMA e de organizações não governamentais. Em 16 de fevereiro, após a apreciação de recursos, o resultado final foi divulgado. Nos próximos dois anos, as onze cadeiras destinadas a este segmento ambientalista cumprirão importante função nas discussões voltadas à política ambiental brasileira.

Foto do ato de posse. Tonhão assina o documento na mesa com a Ministra Izabela

Recentes

Mais Vistos

© 2015 - PARACATU.NET - Todos Direitos Reservados. by #mndti