1 set 2010 15h32

Eleições 2010 : Arrancada de Anastasia faz Hélio Costa apelar para Lula e Dilma

O candidato do PSDB à reeleição ao governo de Minas Gerais, Antonio Anastasia, e Hélio Costa (PMDB) estão empatados tecnicamente pela primeira vez na pesquisa Ibope, divulgada neste sábado (28). O tucano subiu 8 pontos percentuais e agora soma 35% das intenções de voto, contra 33% de seu principal rival. Na sondagem anterior, ex-ministro das Comunicações contava com 38% do eleitorado.

Em um eventual segundo turno entre os dois, também haveria empate técnico, diz o Ibope. O tucano teria 37% e o peemedebista, 36%. Levando-se em conta apenas os votos válidos, Anastasia tem 49% das intenções de voto e Costa, 46%. Os dois também estão parelhos na rejeição dos eleitores: 9% não votariam no candidato do presidente Luiz Inácio Lula da Silva e 8% não apoiariam o preferido do ex-governador Aécio Neves.

Vanessa Portugal (PSTU) e Zé Fernando Aparecido (PV) apareceram com 1% das intenções de voto. Os outros candidatos não pontuaram. Há 6% de votos brancos e nulos e os indecisos são 24%, de acordo com a sondagem, que tem margem de erro de 2 pontos percentuais para mais ou para menos.

A pesquisa ouviu 1.806 eleitores e está registrada no TSE (Tribunal Superior Eleitoral) com o número 26113/2010.

Senado
O Ibope apurou que se as eleições fossem hoje, Aécio (PSDB) teria 68% dos votos para ocupar uma das duas vagas em disputa no Senado. A outra ficaria com o ex-presidente Itamar Franco (PPS), que tem 44%. O ex-prefeito de Belo Horizonte Fernando Pimentel tem 21%.

O Datafolha também divulgou números para o Senado, com margem de erro de três pontos percentuais. Aécio oscilou positivamente, de 68% na segunda semana do mês para 70% atuais. Itamar tinha 47% e agora aparece com 44%. Pimentel avançou de 20% para 25% do eleitorado.

Marilda Ribeiro (PSOL), com 3%; Miguel Martini (PHS) e Rafael Pimenta (PCB), com 2% cada; somam 1% Alfredo (PRH), Betão (PCO), José João da Silva (PSTU), Efraim Moura (PSTU), Mineirinho (PSOL) e Zito Vieira (PCdoB). Brancos e nulos para uma vaga são 10%. Vinte e dois por cento estão indecisos sobre uma das vagas em disputa.

Para as duas vagas em disputa, 5% planejam votar em branco ou nulo. Dez por cento dos eleitores não sabem quem serão seus dois candidatos ao Senado em outubro.

O registro da pesquisa no TRE (Tribunal Regional Eleitoral) é 64318/2010.

Fonte: UOL ELEICOES


Hélio Costa questiona resultado de pesquisa e Anastasia comemora

O candidato ao governo do estado Hélio Costa (PMDB), da coligação Todos Juntos por Minas, demonstrou desconfiança em relação à pesquisa do Ibope que aponta empate técnico entre ele e o concorrente Antônio Anastasia (PSDB). Na manhã deste sábado, o levantamento mostrou Hélio Costa com 33% e Anastasia com 35% das intenções de votos, considerado empate dentro da margem de erro de dois pontos percentuais. É a primeira vez, desde o início da campanha, que Hélio Costa não lidera as intenções de voto no Estado.

''Dada essa confusa variação dos resultados apresentados pelos institutos de pesquisa, fica difícil para o eleitor ter a real dimensão do quadro eleitoral. Sugiro ao eleitor mineiro que mineiramente desconfie de todas as pesquisas'', afirmou o candidato.

A coligação do peemedebista questiona a discrepância dos resultados entre a pesquisa divulgada neste sábado e a pesquisa da Datafolha, divulgada nesta sexta-feira, que apontou a liderança de Hélio Costa com 14 pontos de vantagem sobre o concorrente tucano.

Tucanos comemoram

Já Antonio Anastasia afirmou estar surpreso com os resultados da pesquisa. ''Ficamos contentes, porque não pensávamos que fosse assim com tanta rapidez''. Durante caminhada pelo Barreiro, na manhã deste sábado, o governador comemorou o empate mas evitou o clima de ''já ganhou''. ''Sabemos que ainda temos muito trabalho pela frente, mas é claro que a pesquisa nos estimula e nos entusiasma''.

Anastasia também comentou o pedido de cassação de candidatura feito pela coligação de Hélio Costa (PMDB). '''Estamos muito tranqüilos. São meros factóides'', afirmou o governador.

A coligação Todos Juntos por Minas entrou com representação na noite desta sexta-feira, no Tribunal Regional de Minas Gerais (TRE-MG) pedindo a cassação da candidatura de Anastasia por supostos convênios irregulares feitos na época de campanha. O governador rebateu a acusação afirmando que todos os convênios foram feitos dentro das determinações da legislação eleitoral.

O ex-governador Aécio Neves (PSDB) também celebrou os resultados do levantamento a aproveitou para alfinetar Hélio Costa afirmando que não há razão para o retorno de políticos que já passaram pela administração estadual:

''Tenho muita convicção de que está ficando claro para o eleitor que existe um projeto em Minas que melhorou a vida dos mineiros. Não há razão para que esse projeto seja interrompido para entrarmos em um tempo de incertezas, ou de retorno de figuras políticas que já passaram pela vida pública mineira, e das quais muitos não temos muitas saudades'', afirmou.
fullscreen

Recentes

Mais Vistos

© 2015 - PARACATU.NET - Todos Direitos Reservados. by #mndti