13 abr 00h33Atualizado em 13 abr 00h38

Alunos de Geologia fazem mapeamento-base topográfico entre Paracatu e Guarda-mor

WebReporter
Os trabalhos de campo são fundamentais na área da Geologia, uma vez que, por definição, é a ciência que estuda a Terra, sua composição, estrutura, história e os processos que lhe dão forma. Estudar Geologia sem familiarizar-se e apropriar-se dos métodos de investigação da Terra seria como estudar medicina sem ter contato com o corpo humano. Por isso, no último sábado (25) a turma do 9º Período de Geologia da Faculdade Finom foi a campo para dar continuidade ao trabalho que já se iniciara com a elaboração de um mapa-base da área.

Estiveram presentes todos os 34 alunos da turma, acompanhados pelo Prof. Ms.C. Márcio Santos. Os objetivos previstos eram desenvolver as capacidades de criar mapas-base topográficos e integrar no mapa dados espaciais, descritivos, geológicos e estruturais obtidos em campo; usar a bússola de geólogo para medir estruturas de rocha; usar aparelho GPS portátil para localização de pontos e traçados de rota; desenvolver as habilidades de fazer registros precisos, organizados, coerentes e legíveis.

A Finom disponibilizou ônibus e foi coberta uma rota ao longo da rodovia MG-188, de aproximadamente 10 km, no sentido Paracatu/Guarda-Mor. A manhã estava de céu limpo, sol muito forte, e isto também se enquadra no treinamento dos alunos, porque os profissionais de geologia trabalham expostos às intempéries, e gostam disso.

O ponto que exigiu tempo maior de estudo estava situado na margem esquerda da rodovia MG-188, na descida da Serra da Anta em direção ao córrego Santa Isabel. Os alunos deveriam fazer um esboço geológico das rochas aflorantes no corte da estrada e, como se trata de um local perigoso, foi solicitada a presença da Polícia Rodoviária Estadual durante a permanência dos alunos. A cooperação da PRE permitiu que o trabalho fosse realizado em segurança e tranquilidade.

Retornando a Paracatu, o grupo dirigiu-se à crista da Serra da Anta, um local de linda paisagem, com ampla vista de toda a cidade e região. Dali, pode-se visualizar a distribuição das distintas unidades de rocha que compõem o cenário geológico e assim compreender melhor o sentido e importância do trabalho de geologia de campo.



Por: Prof. Ms.C. Márcio Santos
fullscreen

© 2015 - PARACATU.NET - Todos Direitos Reservados. by #mndti