8 jan 14h40

O Adeus ao Velho Roqueiro

Sandro Neiva
Faleceu em Paracatu na madrugada de SANTOS Reis (06-01-17), Sebastião SANTOS Evangelista, ilustre artista da cena roqueira da cidade. Compositor e líder da banda AMADO RAMONE, Santos Seixas, como era carinhosamente chamado pelos amigos, tinha 52 anos e lutava contra um câncer invasivo há cerca de um ano. Era natural da cidade vizinha de João Pinheiro e veio com a família ainda garoto para Paracatu.
Putz! É difícil falar sobre o cara pois era meu grande amigo. Conheci SANTOS no começo dos anos 80, creio que em 1984, ambos adolescentes e ele era uma espécie de pioneiro dos atuais Food Trucks. Na verdade, era um Food-Furgão, já que ele trabalhava produzindo e vendendo sanduíches no Furgão de propriedade de seu pai, sr. João Fiúza. A caranga era toda preta, estilo mafioso, equipada com um potente toca-fitas que rolava rock´n´roll até quase amanhecer o dia. É lógico que também usávamos o carro para mil e uma “tafularias”.
Em 1988 SANTOS deu início a uma série de apresentações bombásticas pela cidade com sua banda HMC. Participou no princípio da década de 90 do século 20, de várias edições do Festival de Música Popular de Paracatu, tanto como artista solo, como em dupla com o amigo José Adão Franco. SANTOS conseguia deixar os organizadores do Festival desorientados, de cabelo em pé, pois geralmente fazia a inscrição de uma musiquinha bem pasteurizada, descartável, mas palatável aos ouvidos conservadores dos jurados. A música conseguia alcançar a classificação, mas na hora do “vamos-ver” ele apresentava outro som, um rock escrachado, vociferante, contra todo tipo de opressão e totalmente fora dos padrões. Ao vivo, a cores e na cara das pessoas! A essa altura eu já era seu fã! Um cara de raciocínio rápido, fina perspicácia, que me ensinou muito sobre a relação entre vida e felicidade, e me influenciou a estudar jornalismo.
Nunca deixou de fazer suas próprias composições. O mais legal era que apesar de jamais ter tocado qualquer instrumento, ele criava as letras e também os arranjos, que passava de boca para os músicos que o acompanhavam.
Creio, se não me engano, que por volta de 2009 surgiu a banda de punk rock brega AMADO RAMONE. Várias apresentações pela cidade, DVD com gravação de show ao vivo na Praça Firmina Santana no Natal de 2010 (que tive o prazer de produzir), dois CDs lançados, reconhecimento de garotos, garotas, crianças, mídia local  etc...
O velho junkie – agnóstico e hedonista até o último de seus dias –, sempre foi absolutamente fiel a suas convicções. Irá fazer falta nos corações roqueiros de Paracatu e de todas as pessoas que tiveram a sorte de conhecer aquele cara simples, autêntico, honesto e verdadeiro.
SANTOS era do rock, SANTOS era querido, Santos era amado. SANTOS era AMADO RAMONE!
Descanse em Paz meu amigo! RIP and Thanks!
Seguem abaixo alguns momentos do velho junkie:
http://pervitinfilmes.blogspot.com.br/2011/01/santos-e-amado-ramone-ao-vivo.html
https://www.youtube.com/watch?v=oJC0IQWfdYM
https://www.youtube.com/watch?v=U08Lrq2WDEk
http://paracatu.net/view/1178-amado-ramone-realiza-show-em-praca-publica
http://paracatu.net/view/3265-banda-amado-ramone-arrasa-em-seu-primeiro-show

 
Por Sandro Neiva
fullscreen

© 2015 - PARACATU.NET - Todos Direitos Reservados. by #mndti