Notícias

17 mar 2012 20h22Atualizado em 18 mar 2012 14h09

Ônibus que voltava de Paracatu sofre grave acidente

WebReporter
Um ônibus que transportava de volta de Paracatu trabalhadores que estavam na mineradora de ouro Kinross desde a última terça-feira sofreu um grave acidente neste sábado, 17. A colisão aconteceu por volta das 14h30, no km 395 da BR-040, na altura da cidade de Felixlândia, região Central de Minas Gerais.

No acidente, aproximadamente 29 pessoas ficaram feridas, sendo que várias ficaram presas às ferragens. Os feridos foram encaminhados a hospitais de Curvelo e Sete Lagoas. Pelo menos duas pessoas foram levadas de helicóptero para o Hospital de Pronto-Socorro João XXIII. Os mortos foram encaminhados para o Instituto Médico Legal (IML) de Curvelo.

Para o salvamento, o Corpo de Bombeiros contou com dois helicópteros (o Arcanjo, da corporação, e o Pégasus, da Polícia Militar) e várias viaturas das unidades de Curvelo e Sete Lagoas. Segundo a PRF, a pista ficou fechada nos dois sentidos e o salvamento das vítimas foi atrapalhado pela chuva constante e intensa.

O veículo, fretado pela empresa Conenge, de Ipatinga, transportava, em sua maioria, mecânicos de manutenção.

Segundo trabalhadores que não se feriram, o tubo de aço transportado pelo caminhão, que seguia em direção contrária, teria se chocado ao ônibus, enquanto este veículo tentava uma ultrapassagem. O tubo rasgou toda a lateral esquerda do ônibus. Todos os mortos e feridos graves estavam sentados deste lado. 

“Aconteceu numa volta de trabalho. Foi muito triste. Só Deus para nos ajudar”, disse César Júnior, que estava dentro do ônibus.

O também sobrevivente Marcos José Nunes ficou chocado com a violência do acidente. “Foi terrível. A maioria dos mortos era de meus conhecidos”, afirmou. Nos hospitais de Curvelo, Sete Lagoas e Belo Horizonte, ainda não havia dados sobre o estado de saúde dos feridos até às 19h30.

Com informações e imagens do Hoje em Dia.

[Atualizado: 18/03/152 - 13:19]

Segundo os militares, os treze mortos foram identificados como: Adriano Ferreira Lopes, de 28 anos, José Mario Barreto, 33, Gilberto de Souza Gonçalves, 51,  Carlos Ferrreira dos Santos, 46, Cleudes Macedo Gomes, 26, Gerson Batista de Souza, 61,  Altair Bicalho, 44, Joel Lucindo de Andrade, 52, Jadson Gonçalves Lage, 29, Edson Gomes da Silva, 26, Ivanildo V. Gomes, 29, Isaias Vieira Silva, 29, Nivaldo José Lourenço dos Santos, 40. Dois outros ainda não foram reconhecidos. 

Já os gravemente feridos, que estão internados em hospitais de Curvelo, Sete Lagos e Belo Horizonte, são Rogerio Souza Silva, Jader Oliveira dos Santos, Antunes Constantino, Eloizio Martins Rosa, Reginaldo Rodrigues da Silva, Luis Claudio Silva, Wallace Ferreira Silva. Outros dois homens foram apenas identificados como André e Armando.

Além de Ipatinga, onde se concentra o maior número de vítimas fatais, as cidades de Ipaba, Belo Oriente, Vargem Alegre e Cachoeira Escura vão receber corpos para o sepultamento. Até o momento, o motorista do ônibus, que sofreu uma fratura no braço e passou por uma operação durante a noite, ainda não foi ouvido. 

Por Igor Santos / Redação Paracatu.Net
    Notícias| Festas e Eventos| Colunas| Vídeos| Entrevistas| Vendo e Lendo| Perfil TDB| Paracatu
    Recados| Serviços| Classificados| Enquetes | Multi-Tech | Fale Conosco

    © 2011 - PARACATU.NET - Todos Direitos Reservados.

    Desenvolvido por mndti