16 jul 2009 16h10

Coopervap prepara produtores para o período da seca

Glauber César Rodrigues
O período da seca chegou e já é hora de tratar o gado com ração, misturas, suplementos e volumoso. Por isso o departamento técnico da COOPERVAP realizou na no Jambeiro, um Dia de Campo que teve como objetivo ensinar e instruir os produtores associados da região sobre as formas e técnicas de alimentação do gado no período da estiagem. A Palestra foi ministrada pelo Zootecnista da COOPERVAP Aníbal Clareti Botelho Borges, o Binha, que é o Responsável Técnico pela Fábrica de Ração e é especializado em Nutrição de Ruminantes. Veja as instruções de duas técnicas:

Amonização e Hidrólise.
Técnica de amonização

1 - Como fazer a mistura CANA+ URÉIA (Reforce N)
Prepare a mistura de uréia e sulfato de amônio:
Em uma área cimentada, despeje 9 quilos de uréia; acrescente 1 quilo de sulfato de amônio e misture bem!

Caso desejar, poderá misturar em 1 saca de 25 kg de uréia reforce N, 2,750 kg de sulfato de amônio, fazendo a mistura na forma quarteamento, misturando bem os dois ingredientes; após, colocar toda mistura dentro da embalagem de uréia, fechando a “boca” da saca para evitar a volatilização da uréia, guardando em local seco, fora do alcance dos animais.

2 - Fazer a colheita da cana cortando-a rente ao solo, 3 - Retirar o máximo de folhas secas da cana deixando-as no canavial, passando somente na picadeira a cana
com as pontas(folhas verdes),
4 - Junte a mistura de uréia e sulfato de amônio à cana de açúcar picada da seguinte maneira:
* Primeira semana ou período de adaptação:
* Dissolver meio quilo da mistura em um regador contendo quatro litros de água;
* Usando um bastão, agitar a mistura e regar cada 100 kg de cana picada colocada na cocheira;
* Misturar bem! a cana picada com a solução aspergida sobre a mesma, estando pronta para ser consumida pelos animais.
* Segunda semana em diante:
* Dissolver agora 1 kg da mistura acima em um regador contendo 4 litros de água;
* Fazendo o mesmo processo anterior, regue com esta solução, 100 kg de cana picada que foi colocada na cocheira;
* Misture bem! e deixe os animais se alimentarem desta cana picada com a mistura de uréia + sulfato de amônio à vontade.

Obs:
* Fazer a aplicação da solução uréia + sulfato de amônio, momentos antes de fornecer aos animais;
* Observar o período de adaptação e as recomendações acima;
* Não fornecer a mistura de uréia + sulfato de amônio para animais em jejum;
* Não estocar cana cortada por mais que dois dias;
* Depois de picar a cana, fornecer o mais rápido aos animais, desprezando sobras das refeições anteriores;
* Fazer uso de misturas minerais para corrigir deficiências da cana;
* Fornecer água morna à vontade para os animais;
* Usar outras fontes de alimentos concentrados como, rações concentradas a base de milho, farelos de soja e/
ou algodão, arroz, etc, melhorando o aproveitamento da uréía com a cana.

****************************************************************************
** Leia Esta matéria Completa na Edição de Julho do Jornal da Coopervap **
****************************************************************************
fullscreen

Recentes

Mais Vistos

© 2015 - PARACATU.NET - Todos Direitos Reservados. by #mndti