22 abr 2009 12h01

Qual o destino dos menores infratores em Paracatu?

WebReporter
Paracatu sofre com a atitude de menores infratores. Eles furtam, assaltam, roubam e até há casos de assassinatos. Ultimamente toda a população paracatuense está alarmada com a crescida das páginas policiais envolvendo esses menores.

Segundo o Cap. Elias, da Polícia Militar, com o advento do ECA(Estatuto da Criança e do Adolescente) o menor, principalmente em cidades do interior, as quais a maioria contam com um abrigo especializado em menores contraventores, em que ele pode ser amparado, quase não se tem penalidade aplicável ao tal cidadão, já que o estatuto defende que o menor não pode ser apenado com a severidade de um adulto, já que o mesmo não tem maturidade bastante para refletir sobre seus atos.

Segundo o Capitão, é aí que a Polícia se depara com outro grande problema: Adultos “contratam” menores para a pratica dos delitos. Desta forma, o criminoso maior de idade livra da penalidade. É através desta porta que muitos jovens se iniciam no mundo do crime, associando-se à gangues.

A maioria desses jovens são dependentes químicos e é através destas práticas que financiar seu vício.

O menor infrator assim que capturado em Paracatu é encaminhado ao Conselho Tutelar, onde é acompanhado por profissionais e encaminhado para suas famílias.

Em cidades em que os abrigos estão em funcionamento, o jovem infrator de 12 a 18 anos pode ser apenado, porém brandamente, com o máximo de 03 anos de duração da pena.



OBS: Foto meramente ilustrativa
Colaboração: Gustavo Santana

Recentes

Mais Vistos

© 2015 - PARACATU.NET - Todos Direitos Reservados. by #mndti